domingo, 8 de março de 2009

8 DE MARÇO

No dia 8 de março, é comemorado o dia Internacional da Mulher. É um dia um a ser celebrado pelas conquistas e vitórias das mulheres dentro da sociedade. Durante muito tempo, o papel da mulher restringia-se as obrigações e aos afazeres domésticos, além disso, estava subordinada ao homem. Hoje, a mulher vem conquistando cada vez espaços antes só exercidos por homens.

Porém, em alguns setores, há ainda muito a ser conquistado. Um exemplo é o segmento da construção civil que é uma das áreas que mais gera emprego e renda. Basicamente, o mercado é dominado pelos homens e pouco se vê a presença feminina nos canteiros de obra.

O preconceito e o machismo são os principais fatores que impedem a entrada das mulheres nesse segmento. Muitos não aceitam a idéia de receber ordens femininas, outros duvidam da sexualidade das companheiras de trabalhos ou ainda acham que mulher não serve para trabalho braçal.

Enganam-se aqueles que acham que as mulheres não podem ser mãos-de-obra para a construção civil. Alguns trabalhos podem ser perfeitamente executáveis por elas, como na pintura, revestimento de fachadas, instalações elétricas e hidráulicas...

Em alguns lugares, já existem cursos ofertados para as mulheres como forma de estimular a participação delas nessa área.

Hoje, a construção civil é uma área que está em alta. Há muitas obras acontecendo, principalmente no Brasil, como uma forma de estimular a economia. Porém, em alguns casos, falta mão-de-obra o que poderia ser resolvido se houvesse maior participação feminina.

Portanto, a lutas pelos direitos das mulheres continua. Lembrem-se que 8 de março não é só um dia de homenagens, mas sim de reivindicações por uma mundo mais justo e igualitário!




Adelle Azevedo. Tecnologa em Gestão Ambiental, Integrante da Juventude Alternativa Terrazul e do Coletivo Jovem de Meio Ambiente.

Nenhum comentário: